WEBMAIL | AREA RESTRITA
CSS based drop-down menu
 
 
CI do lixo da Câmara de Três Lagoas segue tomando depoimentos
 
O secretário municipal de Governo, Daynler Martins Leonel foi ouvido pela Comissão de Inquério


>>04/07/2017

Dando continuidade aos trabalhos de apuração de denúncias sobre possíveis irregularidades na contratação emergencial da coleta e destinação do lixo de Três Lagoas, a Comissão de Inquérito (CI) ouviu, na manhã desta terça-feira (4), o secretário municipal de Governo e Políticas Públicas, Daynler Martins Leonel. A administração municipal é acusada pela empresa Kurica Ambiental de contratar serviço de maior preço que o oferecido por ela, supostamente em favorecimento à empresa Financial.  A denúncia foi protocolada junto ao Ministério Público e a Kurica afirma que conversou sobre a situação e seu interesse de prestar o serviço, com Leonel.

Na oitiva, o secretário confirmou a troca de uma mensagem com a empresa, porém informou que sua pasta não foi responsável pelo processo de cotação de preços nem da contratação da Financial. Também esclareceu que não conversou pessoalmente com os donos da empresa e que soube que se reuniram com o prefeito Ângelo Guerreiro, porém não sabe o conteúdo discutido.

Mais uma vez, os vereadores que estão participando do processo de investigação, para saber o motivo de a prefeitura ter feito a contratação por dispensa de licitação e pagando cerca de R$ 900 mil a mais, reafirmaram que serão usados critérios técnicos na avaliação de documentos e dos depoimentos.

O vereador Gilmar Garcia, que está participando interinamente dos trabalhos, afirmou que a CI não faz julgamento de ninguém, mas sim apura os fatos e apresenta um relatório que será avaliado pelo plenário da Câmara. Além dele, integraram a oitiva, hoje, os vereadores Sargento Rodrigues, que é o presidente da CI, e o vereador Silverado, que é membro.

Esta foi a quarta oitiva no caso do lixo, sendo que já foram ouvidos o denunciante, Marcelo Almeida de Oliveira, o procurador jurídico da prefeitura, Luiz Henrique Gusmão, e o diretor de Licitação, Adelvino Francisco de Freitas. Na quinta-feira (6), serão ouvidos o secretário de Infraestrutura, Dirceu Degutti, o diretor de Infraestrutura, Adriano Barreto, e um representante da empresa Financial.

Os vereadores Apóstolo Ivanildo, Professor Flodoaldo, Luiz Akira e Realino acompanharam a oitiva.



 
13/11/2017 10:05
08/11/2017 10:31
08/11/2017 09:55
09/11/2017 08:54
01/11/2017 11:12